Fase Final – Campeonato Nacional – ACR4 – Andebol em Cadeira de Rodas

Ficará conhecido o novo Campeão Nacional de Andebol em Cadeira de Rodas, ACR4, este sábado no Pavilhão Cidade de Viseu; poderá acompanhar a disputa do 3º/4º lugar e a final em direto na Andeboltv.

São sete as equipas que vão entrar em campo na disputa pelo título de Campeão Nacional, este sábado, no Pavilhão Cidade de Viseu, de Andebol em Cadeiras de Rodas, ACR4.

O jogo da disputa da medalha de bronze e a final contam com transmissão em direto na andeboltv.

De relembrar que a APD Leiria venceu em novembro de 2021 as Supertaças das duas categorias, ACR4 e ACR6, derrotando a APD Porto em ambas as finais. Também a Taça de Portugal pertence aos leirienses, depois de terem derrotado, igualmente em novembro de 2021, as equipas do IFC Torrense e APD Porto na Final 4 da prova.

Calendário:
23.04.2022 – 11h00 – CPSB Messines AMAL x CMRRC Rovisco Pais
23.04.2022 – 12h00 – Vencido (CPSB Messines AMAL/CMRRC Rovisco Pais) x 23.04.2022 – APD Figueira Foz Os Coxos
23.04.2022 – 14h00 – APS Leiria x Clube Naval Setubalense
23.04.2022 – 15h00 – APD Porto x IFC Torrense
23.04.2022 – 16h45 – 3º/4º Lugar – transmissão andeboltv
23.04.2022 – 17h45 – Final – transmissão andeboltv

Curso de Treinadores de Grau 1 – Viseu 2022

Associação de Andebol de Viseu, com o apoio da Federação de Andebol de Portugal, vai organizar um Curso de Treinadores de Grau 1, a iniciar em 18 de abril de 2022. Inscrições disponíveis até 16 de abril.

Este Curso está já enquadrado no novo modelo, que terá a duração de 83 horas letivas/presenciais e um estágio com 40 horas dedicadas à condução de sessões de treino.

Formato: Híbrido (online e presencial)

Componente Geral: 9h

Componente Específica: 74h

Estágio: 1 época desportiva / 40 horas mínimas dedicadas à condução de sessões de treino.

EQUIPA DE FORMAÇÃO

Diretor de Curso – Nikolai Bodourov

Secretário de Curso – Ramiro Ferreira

Formadores – Luis Miguel Amaral; Nikolai Bodourov; Emanuel Casimiro; Artur Rodrigues; Danilo Ferreira; Eduardo Abade; Luís Santos; Miguel Vasconcelos; Paula Biscaia; Paulo Félix; Ana Sofia Osório; Adriano Tavares; Herlander Silva

Coordenadores de Estágio – Nikolai Bodourov; Luis Miguel Amaral; Carlos Pires; Rui Coreia; e mais 2 coordenadores a designar.

Tutores: a designar

INSCRIÇÕES

Requisitos para o Curso de Treinadores de Grau 1:
* Idade mínima 18 anos (à data da emissão do Diploma de Qualificações).
* Escolaridade mínima obrigatória à data de emissão do Diploma de Qualificações

As inscrições serão obrigatoriamente realizadas através da Federação de Andebol de Portugal – CLICAR AQUI

As inscrições encontram-se abertas até ao dia 16 de abril de 2022.

Inscrição na Componente Geral e na Componente Específica – 100 Euros (o pagamento através de IBAN PT50 0007 0000 0008 3344 9232 3 a Associação de Andebol de Viseu)

Inscrição na Componente Prática (valor a pagar apenas quando for para estágio) – 50 Euros (Valor a ser pago quando a realização do estágio)

Valor total da inscrição – 150 Euros

SEGURO: da responsabilidade da entidade promotora da formação realizar um seguro de acidentes pessoais para os formandos.

LOCAL DE REALIZAÇÃO

Sessões teóricas: Sessões online e se necessário presenciais, na Associação de Andebol de Viseu.

Sessões Práticas: Pavilhão a definir.

Calendarização do Curso – AQUI

Regulamento do Curso AQUI

Seleção Nacional Sub-14 Feminina em São Pedro do Sul

A Associação de Andebol de Viseu regozija-se pela participação da Seleção Nacional de sub-14 feminina no prestigiado Torneio Termas Andebol Cup, superiormente organizado pela Academia de Andebol de S. Pedro do Sul.

Orgulha-se também por integrarem essa Seleção, a atleta Maria Ferraz do Académico de Viseu e os treinadores convidados, Telma Silva do Andebol Club de Lamego e André Tojal do Académico de Viseu. 

Parabéns a todos! 

J. Escada

Seleção Nacional sub-14 Feminina: 28 atletas convocadas para o primeiro estágio da geração

José António Silva estará ao comando de um estágio inédito com esta geração de jovens atletas, em São Pedro do Sul; Conheça a convocatória.

A partir do próximo dia 12 de abril, 28 atletas terão a oportunidade de integrar, pela primeira vez, a linha de trabalho das Seleções Nacionais e estarão às ordens de José António Silva para um estágio de cinco dias, que contempla ainda a participação no torneio Termas Andebol Cup (14, 15 e 16), em São Pedro do Sul. O líder da Seleção Nacional A Feminina e coordenador das Seleções Nacionais, divulgou esta sexta-feira, a lista de convocadas, num primeiro momento de observação do potencial desta geração sub-14, que está ainda numa fase precoce da carreira.

José António Silva contextualiza o propósito deste primeiro momento de trabalho: “A concentração que vamos iniciar no dia 12 enquadra-se no processo de trabalho das Seleções Nacionais e tem como principal objetivo a observação de atletas deste escalão etário. Nesta fase do processo, na qual pretendemos dar continuidade ao acompanhamento das atletas que vem sendo realizado em conjunto com as seleções regionais, serão realizados três treinos, após os quais teremos a participação no torneio Termas Andebol Cup.”

O Selecionador Nacional contará com a habitual colaboração de Serafim Borges, treinador adjunto da principal equipa lusa, bem como a presença de dois treinadores convidados, Telma Silva e André Tojal, para uma avaliação mais completa das jogadoras presentes. José António Silva explica ainda que este será apenas o ‘pontapé de saída’, que terá continuidade e que irá abranger ainda mais jogadoras: “Com esse propósito, neste momento trabalharão connosco 28 atletas distribuídas por duas equipas, estando prevista pelo menos mais uma concentração com outro grupo, para que possamos ter uma ideia concreta do potencial que esta geração possui. Como é óbvio este não é um processo fechado, não só porque estas atletas são muito jovens e terão ainda um longo percurso evolutivo, mas também porque existem outras jogadoras que, a seu tempo, terão a oportunidade de mostrar o seu potencial e que no futuro certamente integrarão este projeto.”

Para além da observação e avaliação destas jovens atletas quer em treino, quer em contexto competitivo, existem ainda outros objetivos, que passam pela “abordagem de algumas das ideias fundamentais do modelo de jogo que pretendemos implementar”, bem como pela transmissão dos “princípios e valores que devem caracterizar atletas com possibilidades de integrar as seleções nacionais”, explica.

Por fim, o técnico realça a importância do contributo de todas as entidades envolvidas neste investimento no presente e no futuro do andebol feminino em Portugal: “Nunca é demais realçar o empenhamento de todos os envolvidos (organização do torneio, atletas, técnicos, dirigentes) e, em particular, da Direcção da Federação de Andebol de Portugal, que ao viabilizar esta participação, proporcionam a estas jovens atletas a oportunidade de trabalhar neste contexto, numa fase tão precoce da sua carreira desportiva. Este é um investimento, não só nas jovens que agora estarão concentradas, mas sim em toda uma geração de atletas, em que temos a expectativa fundada de que possa contribuir de forma significativa para a melhoria do nosso Andebol.”

4ª Ação de Formação: “Andebol: Jogar Jogando”

A Associação de Andebol de Viseu em parceria com a Federação de Andebol de Portugal, irá organizar no próximo dia 02 de Abril de 2022, a 4ª ação de formação da época 2021/2022, enquadrada no Centro Regional de Formação e Treino (CRFT).

A ação irá abordar o tema “Andebol: Jogar Jogando” e é destinado aos Treinadores de Andebol, Atletas, Estudantes e a Professores de Educação Física.

A formação será realizada online, via plataforma Zoom. O horário da sessão será das 09h30 às 13h30

Esta é homologada pelo IPDJ para efeitos da renovação do Titulo de Treinador com 0,8 UC.

O Formador será o Professor Herlander Ramiro Rodrigues da Silva

Programa:

– Das 09h30 às 13h30 – “Andebol: Jogar Jogando” – Herlander Silva

O acesso a estas formações será feito através de uma plataforma digital e a inscrição será gratuita.

As Inscrições são online até ao dia 1 de Abril  – CLIQUE AQUI

 

3ª Ação de formação de andebol – “Jogo Ofensivo – jogo em continuidade, Grupal – Penetrações sucessivas, cruzamento ou progressão como resposta”

A Associação de Andebol de Viseu em parceria com a Federação de Andebol de Portugal irá organizar no próximo dia 26 de Fevereiro de 2022, a 3ª ação de formação da época 2021/2022, enquadrada no Centro Regional de Formação e Treino (CRFT).

A ação irá abordar o tema “Jogo Ofensivo – jogo em continuidade. Grupal – Penetrações sucessivas, cruzamento ou progressão como resposta” e é destinado aos Treinadores de Andebol, Atletas, Estudantes e a Professores de Educação Física.

A formação será realizada online, via plataforma Zoom. O horário da sessão será das 09h00 às 13h00 e é homologada pelo IPDJ para efeitos da renovação do Titulo de Treinador com 0,8 UC.

A Formadora será a Professora Ana Seabra.

Programa:

– Das 09h00 às 13h00 – “Jogo Ofensivo – jogo em continuidade. Grupal – Penetrações sucessivas, cruzamento ou progressão como resposta” – Ana Seabra

O acesso a estas formações será feito através de uma plataforma digital e a inscrição será gratuita.

As Inscrições são online até ao dia 25 de Fevereiro  – CLICAR AQUI

Campanha SuperAção – Paralímpicos Portugal

SuperAção é o mote da nova campanha de sensibilização de promoção do desporto para pessoas com deficiência dos Paralímpicos Portugal com o objetivo primordial da captação de novos talentos. A desconstrução da palavra superação remete para os atletas paralímpicos, que são super no desempenho da sua atividade competitiva – e ação – em constante movimento.

A mensagem ganha forma na personificação de oito atletas de cada uma das oito modalidades com representação portuguesa nos Jogos Paralímpicos Tóquio 2020. Miguel Monteiro (atletismo), Beatriz Monteiro (badminton), Carla Oliveira (boccia), Norberto Mourão (canoagem), Luís Costa (ciclismo), Djibrilo Iafa (judo), Ana Mota Veiga (equestre) e Susana Veiga (natação) são os protagonistas, ilustrados sempre em tons de verde e vermelho, as cores nacionais que representam com orgulho em qualquer competição que participem.

IncentivaPratica, Apoia são as três palavras-chave de apelo à ação e pretendem levar os portugueses a Incentivar os atletas nacionais através das redes sociais, newsletter e revista dos Paralímpicos Portugal, a Praticar desporto nos locais propostos no mapa de inclusão desportiva e a Apoiar através da consignação do IRS ou por via de donativos espontâneos ao CPP.

A campanha SuperAção contará com a sua divulgação física em mais de 30 municípios de todo o país, através de mupis, outdoors, grandes ecrãs visíveis para quem passa de carro, circula no metro, ou faz compras num centro comercial, na rádio, televisão e no digital.

Descobre como IncentivarPraticar, Apoiar:

2ª Ação de formação de andebol – “Desenvolvimento Jogadores de 2ª Linha – Variabilidade, Trajetórias e orientações nos deslocamentos”

A Associação de Andebol de Viseu em parceria com a Federação de Andebol de Portugal, irá organizar no próximo dia 15 de Janeiro de 2022, a 2ª ação de formação da época 2021/2022, enquadrada no Centro Regional de Formação e Treino (CRFT).

A ação irá abordar o tema “Desenvolvimento Jogadores 2ª Linha – Variabilidade, Trajetórias e orientações nos deslocamentos” e é destinado aos Treinadores de Andebol, Atletas, Estudantes e a Professores de Educação Física.

A formação será realizada, via plataforma Zoom, no próximo dia 15 de janeiro. O horário da sessão será das 09h00 às 11h00 e é homologada pelo IPDJ para efeitos da renovação do Titulo de Treinador com 0,4 UC.

O Formador será o Prof. Carlos Pires, Coordenador de AD Academia de Andebol de São Pedro do Sul e Treinador dos Seniores Masculinos.

Programa:

– Das 09h00 às 11h00 – “Desenvolvimento Jogadores 2ª Linha – Variabilidade, Trajetórias e orientações nos deslocamentos” – Carlos Pires

O acesso a estas formações será feito através de uma plataforma digital e a inscrição será gratuita.

As Inscrições são online até ao dia 14 de Janeiro – Preenchendo o Formulário AQUI

1ª Ação de formação de andebol – “Desenvolvimento Jogadores de 1ª Linha – Variabilidade, Trajetórias e orientações nos deslocamentos”

A Associação de Andebol de Viseu em parceria com a Federação de Andebol de Portugal, irá organizar no próximo dia 08 de Janeiro de 2022, a 1ª ação de formação da época 2021/2022, enquadrada no Centro Regional de Formação e Treino (CRFT).

A ação irá abordar o tema “Desenvolvimento Jogadores de 1ª Linha – Variabilidade, Trajetórias e orientações nos deslocamentos” e é destinado aos Treinadores de Andebol, Atletas, Estudantes e a Professores de Educação Física.

A formação será realizada, via plataforma Zoom, no dia 08 de janeiro, horário das 09h00 às 11h00 e é homologada pelo IPDJ para efeitos da renovação do Titulo de Treinador com 0,4 UC.

O Formador será o Prof. Carlos Pires, Coordenador de AD Academia de Andebol de São Pedro do Sul e Treinador dos Seniores Masculinos.

Programa:

– Das 09h00 às 11h00 – “Desenvolvimento Jogadores de 1ª Linha – Variabilidade, Trajetórias e orientações nos deslocamentos” – Carlos Pires

O acesso a estas formações será feito através de uma plataforma digital e a inscrição será gratuita.

As Inscrições são online até ao dia 07 de Janeiro – Preenchendo o Formulário AQUI

Joaquim Escada, coordenador do projeto Andebol4ALL, distinguido com o Prémio Inclusão Pelo Desporto

III Gala do Comité Paralímpico de Portugal distinguiu Danilo Ferreira e Joaquim Escada

Esta quinta-feira decorreu a III Gala do Comité Paralímpico de Portugal, em Lisboa, que distinguiu 36 personalidades que contribuem direta ou indiretamente para o crescimento do desporto adaptado no nosso país. A noite foi repleta de distinções a atletas pelas conquistas em Campeonatos da Europa e do Mundo desde 2019 e nos Jogos Paralímpicos Tóquio 2020 com as Medalhas de Mérito e Medalhas Paralímpicas e a instituições como as Federações Portuguesas de Atletismo, Badminton, Canoagem e Natação com o Troféu Paralímpico, entre outros.

Joaquim Escada, coordenador do projeto Andebol4ALL e Danilo Ferreira, Selecionador Nacional de Andebol em Cadeira de Rodas, foram distinguidos com o Prémio Inclusão Pelo Desporto, referente ao trabalho realizado no ano de 2020.

“Em primeiro lugar, devo dizer que é com muita satisfação que eu recebo este Prémio Inclusão Pelo Desporto, e sendo referente a esta vertente, é bastante significativo para qualquer pessoa e para mim não é exceção. Esta distinção não é exclusivamente minha, mas sim de todos os atletas com quem eu tive o prazer de trabalhar, de todas as pessoas que estiveram envolvidas nestes projetos da Federação de Andebol de Portugal, que é uma das responsáveis deste sucesso. Não vou mencionar nomes porque correria o risco injusto de me esquecer de algum, mas destaco ainda, e de forma especial, as pessoas da minha família que estão comigo no dia-a-dia, com as quais eu abdico de muitas horas em prol do desporto. Este prémio é visto como uma maior responsabilidade de tentar fazer ainda melhor no futuro. Não posso esquecer obviamente, do meu ídolo enquanto pessoa e enquanto Pai, que já não se encontra entre nós, pelo que é justo dedicar-lhe também este prémio.” – referiu o Selecionador Nacional de Andebol em Cadeira de Rodas, Danilo Ferreira.

O Coordenador do projeto Andebol4ALL, Joaquim Escada, partilha da mesma opinião, e diz que o prémio é o reflexo de um trabalho coletivo.

“Fiquei duplamente satisfeito, por ter recebido o prémio e por ter sido na companhia do Danilo Ferreira. É um prémio que, em primeiro lugar é da Federação de Andebol de Portugal, que nos tem dado todas as condições para que possamos colocar em prática o projeto Andebol4ALL, mas também é de todos os colaboradores, das associações regionais, com quem temos trabalhado em conjunto, dos clubes das diversas áreas da deficiência e dos nossos parceiros ANDDI e DGRSP. Sem esquecer, obviamente, as entidades que nos apoiam: o IPDJ e o INR. Este conjunto, em colaboração e parceria, fez com que o Comité Paralímpico de Portugal atribuísse este galardão a mim e ao Danilo, o que me deixa orgulhoso mas com maior sentido de responsabilidade para o futuro desta área.” – atirou.

A cerimónia reuniu atletas, treinadores, representantes federativos e diversos convidados institucionais com relação a esta dimensão desportiva, com destaque para o Presidente da Federação de Andebol de Portugal, Miguel Laranjeiro, e os Secretários de Estado do Desporto e Juventude, João Paulo Rebelo, e da Inclusão das Pessoas com Deficiência, Ana Sofia Antunes.